quinta-feira, abril 28, 2005

coldturkey


Não sei se o mal é meu, mas deve ser, pois tal como provavelmente «X&Y» será, também o último U2 foi insólitamente deixado numa prateleira de loja de discos qualquer. O novo Coldplay começa a irritar-me profundamemente, tanto quanto o «...Atomic Bomb». Desde a tentativa insonsa de uma via mais coldwave («Square One») até ao falseto intolerável num slow tão foleiro quanto o «Man and a Woman»(«What if»), que tudo me enjoa... Tudo coisas que irão fazer este disco vender milhões, eu sei. Começo mesmo a não suportar a voz do Chris Martin, lembrando-me logo do terrível agradecimento do óscar da sua terrível esposa, para não falar naquela mania que ele tem de escrever coisas nas mãos...
Estou quase a desistir de querer conhecer o resto do disco, e o single («Speed of Sound») não me entusiasma particularmente, especialmente aquela malha banalíssima de piano que se vai repetindo, uma espécie gorada de criar um riff tipo «New Years Day». Porque é que estou sempre a remeter aos U2? Porque cada vez mais os Coldplay me parecem um pequeno país rico no planeta pop que são os U2.«X&Y»? Zzzzzzzzzzzzzzzzz...
Bem, conto com o disco dos The Coral para me salvar a Primavera, assim como o regresso daqueles que me dizem para não acreditar na verdade...

2 badaladas

Blogger HI5B0AS said...

NECESSITAVA DE AJUDA PARA CONTACTAR O MIGUEL ANGELO DOS DELFINS. ASSUNTO, SPORTING CLUBE DE PORTUGAL E O SEU CENTENÁRIO.

AGRADEÇO AJUDA PARA QUE ESSE CONTACTO POSSA EXISTIR PARA ESTE MAIL:

CARLOS10ALMEIDA@HOTMAIL.COM

OBRIGADO!

1:42 da tarde  
Anonymous FMS said...

MAD FOR IT!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
(pelos Oasis, não pela lagartagem)

4:37 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home